jogos de colaboração 1: com aros, bolas ou lenços

     

Neste jogo, as crianças formam uma roda e, sempre de mãos dadas, passam o aro para o companheiro ao lado. Como não podem usar as mãos, devem mover braços, ombros, cabeça, tronco e pernas para passar dentro do aro e mandá-lo adiante. O companheiro ao lado também ajuda porque os dois estão "conectados". Repetir várias vezes nos dois sentidos da roda.

 

 

Depois de dominado os movimentos, acrescentar mais um aro que deve ser passado no mesmo sentido e nunca encontrar com o outro aro. Isso vai exigir mais controle, atenção e colaboração entre as crianças. Podemos acrescentar mais aros dependendo do tamanho da roda e da destreza dos participantes.

 

      

        

O mesmo jogo pode ser feito utilizando-se uma bola no lugar do aro. Neste caso, a bola deve ser passada com os pés. No caso da bola rolar em outra direção, os demais companheiros devem tentar devolvê-lo (sempre com os pés) para o companheiro que a perdeu. Da mesma forma que o jogo do aro, depois de dominado os movimentos, podemos acrescentar mais uma bola.

 

  

Outra variação desta brincadeira, e um pouco mais difícil, é utilizando um lenço ou um pedaço de corda. Neste caso, o objeto pode ser passado diretamente para os pés do companheiro ao lado ou lançado para o alto para o companheiro agarrar com os pés.      

jogos de colaboração 2: jogo das cadeiras

O jogo das cadeiras já é bem conhecido: há menos cadeiras do que o número de participantes e ao som da música todos devem andar ao redor das cadeiras até que a música pare e todos procuram onde se sentar; quem não conseguir, sai da brincadeira.

No jogo das cadeiras com colaboração, os participantes que não conseguirem se sentar devem pedir colo para os que estiverem sentados e, portanto, ninguém sai da brincadeira. Só as cadeiras é que vão sendo retiradas uma a uma até que sobre apenas 1 cadeira no final. Isso quer dizer: um amontoado de gente sentada ou apoiada uma sobre a outra.

Atenção: Nesta brincadeira as crianças devem ser alertadas para que sejam cuidadosas no momento de se sentar no colo do companheiro e, se for o caso, no lugar de terminar o jogo com apenas 1 cadeira, estabelecer que o jogo termina quando restarem 2 ou 3 cadeiras (aconselhável quando há muitas crianças e, além disso, as cadeiras devem estar dispostas de forma a evitar quedas).